24°
Máx
17°
Min

Amostra de educação empreendedora reúne estudantes do Brasil e da Argentina

Evento promovido por grupo que integra o projeto Fronteiras Cooperativas teve a participação de 3.400 alunos (Foto: Divulgação) - Amostra de educação empreendedora reúne alunos da fronteira
Evento promovido por grupo que integra o projeto Fronteiras Cooperativas teve a participação de 3.400 alunos (Foto: Divulgação)

A primeira edição da Amostra de Educação Empreendedora da Tríplice Fronteira – que engloba os municípios de Barracão e Bom Jesus do Sul (sudoeste do Paraná), Dionísio Cerqueira (oeste de Santa Catarina) e Bernardo de Irigoyen (província de Misiones, Argentina) – foi realizada no Centro de Eventos de Dionísio Cerqueira. Trinta e cinco escolas do Ensino Público – somando as redes municipais do Paraná, estadual de Santa Catarina e da rede provincial argentina – participaram da amostra, totalizando 175 trabalhos e 3.400 alunos.

A amostra foi promovida pelo grupo de Cultura Empreendedora e Inovação, que integra o projeto Fronteiras Cooperativas, promovido na Tríplice Fronteira pelo Sebrae nacional, Sebrae/PR, Consórcio Intermunicipal da Fronteira - CIF, Intendência de Bernardo de Irigoyen, Associação Comercial e Empresarial de Dionísio Cerqueira (SC), Barracão (PR) e Bom Jesus do Sul (PR) – Ascoagrin e Secretaria de Educação de Santa Catarina.

Jonas Grejianin Pagno, coordenador do grupo de Cultura Empreendedora e Inovação, conta que a iniciativa de fazer a mostra surgiu da necessidade de divulgar para a comunidade da Trifronteira o trabalho realizado por professores e alunos do programa Jovens Empreendedores – Primeiros Passos (JEPP). “Nossa intenção também foi incentivar a participação dos pais e da comunidade em geral no dia a dia das escolas”, destaca. Pagno completa dizendo que o objetivo foi atingido, pois o Centro de Eventos de Dionísio Cerqueira recebeu a visitação de pais e familiares dos estudantes e também de professores de outras escolas e até empresários da região.

O envolvimento dos alunos que participam do JEPP também foi comemorado pela organização. “Os estudantes dos quatro municípios, bem como todos os professores, se envolveram no desenvolvimento dos trabalhos, na organização do espaço no Centro de Eventos e nas explicações aos visitantes. O principal objetivo era que as crianças explicassem os trabalhos apresentados, e todas conseguiram explicar muito bem aos visitantes que passavam nos estandes”, relata Jonas Pagno. O coordenador acrescenta que a Amostra de Educação Empreendedora deverá acontecer anualmente.

Maria Auria Mülhmann, consultora do Sebrae/PR e gestora do projeto Fronteiras Cooperativas, observa que o JEPP é uma iniciativa do Sebrae/PR de incentivo à Educação Empreendedora nas escolas do Ensino Fundamental. “Visa disseminar a cultura empreendedora entre crianças e adolescentes e prepará-los para o futuro. A comunidade, os pais, alunos e professores com brilho nos olhos, e demonstrando tudo que já foi aprendido no programa, realizaram a primeira feira binacional de empreendedorismo com foco nos aprendizados em produtos naturais, ecológicos, brinquedos, ervas aromáticas e ervas naturais”, relata Maria Auria. A consultora do Sebrae/PR acredita que a amostra será um passo importante na contribuição do desenvolvimento sustentável da fronteira.

Colaboração Assessoria de Imprensa.