26°
Máx
19°
Min

Escritores participam de debate nesta sexta no Campus da UEL

(foto: DIvulgação) - Escritores participam de debate nesta sexta no Campus da UEL
(foto: DIvulgação)

Dois escritores de renome nacional estarão em Londrina nesta sexta-feira (5) para um encontro com leitores, estudantes e interessados em produção literária. Os debates buscam promover a integração entre produtores de textos e a comunidade, estimulando novas experiências, e divulgando novos romances. O primeiro encontro será com Adriano Garib, às 15h40, na Sala 102 do Centro de Ciências Humanas (CCH). Logo mais à noite, a partir das 19h30, no Anfiteatro do CCH, será a vez do escritor Henrique Rodrigues.

A iniciativa é do projeto de pesquisa Escrita Criativa, do Departamento de Letras Vernáculas e Clássicas da UEL. Segundo o coordenador do projeto, professor Flávio Freire, estas experiências, além de promover um debate rico, estimulam a produção acadêmica e literária, colocando a comunidade em contato com a profissão de escritor.

Biografias

Adriano Garib é ator reconhecido nacionalmente e está lançando o romance "A Arte de Construir Ruínas", pela Poligrafia Editora. A obra é uma narrativa envolvente e conta a história do personagem Angelo, um artista cuja obra inacabada, propositalmente, se arrasta por toda a sua vida. Ao longo do livro surgem outros três personagens com histórias dramáticas e fragmentadas. Garib é jornalista formado pela UEL (1988) e tem uma trajetória bastante conhecida em Londrina, onde iniciou a carreira de ator e de jornalista.

Já Henrique Rodrigues nasceu no Rio de Janeiro, em 1975 e formou-se em Letras pela UERJ. É autor do livro de poemas A musa diluída (Record, 2006); Versos para um Rio Antigo (infantil, Pinakotheke, 2007); Machado de Assis: o Rio de Janeiro de seus personagens (juvenil, Pinakotheke, 2008); O segredo da gravata mágica e O segredo da bolsa mágica (infantil, ambos pela Memória Visual, 2009) e Sofia e o dente de leite (infantil, Memória Visual, 2011); Alho por alho, dente por dente (com André Moura; infantil, Memória Visual, 2012); O próximo da fila (Record, 2015) e o infantil Palavras pequenas (Bazar do Tempo, 2016).

(com Agência UEL)