20°
Máx
14°
Min

Grupo Todocanto e Prêmio Panambi abrem Encontro de Iniciação Científica e Seminário de Extensão da Unila

A noite de abertura terá premiação de 24 estudantes. (Foto: Assessoria) - Todocanto abre o 5º Encontro de Iniciação Científica
A noite de abertura terá premiação de 24 estudantes. (Foto: Assessoria)

A apresentação do coral e grupo vocal Todocanto e o Prêmio Panambi de Poesia, ambos projetos de extensão da Universidade Federal da Integração Latino Americana (Unila) abrem nesta quarta-feira (5), a partir das 18h30, o 5º Seminário de Extensão (SEUNI), realizado em conjunto com o 5º Encontro de Iniciação Científica e o 1º Encontro de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação.

Os eventos acontecem até a próxima sexta-feira (7) com apresentação das ações de extensão e dos projetos de iniciação científica que estão em andamento neste ano, na Universidade. As atividades são abertas ao público.

A noite de abertura se inicia com a entrega da premiação a 24 estudantes do ensino médio e fundamental, finalistas do Prêmio Panambi de Poesia, que teve como tema nesta edição, a “A irmandade entre Argentina e Brasil”. Na cerimônia, além da leitura de dez poesias, os estudantes também recebem certificação, três edições de um livro com as poesias vencedoras e, ainda, dois livros de literatura infanto juvenil. Também participam do evento professores de escolas e representantes do Consulado da Argentina em Foz do Iguaçu, idealizador do Prêmio, que é realizado em parceria com o projeto de extensão Panambi.

 “O Prêmio foi importante para trabalhar três eixos: leitura, performance e escrita. É um incentivo não só para o hábito da leitura, mas também da escrita de narrativas dos estudantes. Eles mostraram uma alta qualidade literária, que resultou em um produto diversificado tanto no conteúdo como na forma, com uso de recursos literários de ritmos, sonoridades e expressões”, avalia a coordenadora do projeto Panambi, Cristiane Grando. 


As exposições itinerantes com as poesias premiadas, em forma de varal, seguem por escolas de Foz do Iguaçu e por locais que tenham interesse em exibir os trabalhos.

Todocanto

Os grupos de vocal e coro do projeto Todocanto também realizam apresentação, na noite de abertura do Seuni e do Encontro de Iniciação Científica, às 19h45. Os integrantes apresentam algumas das canções que estão presentes no CD do projeto, gravado no final do ano passado e com previsão de lançamento para março de 2017. No repertório, estão músicas populares e eruditas latino-americanas, cantadas em português, espanhol e latim.

Atualmente, o projeto conta com cerca de 70 integrantes, que este ano, realizaram uma parceria com a Unioeste por meio de um pólo com um grupo de coral.

 “O projeto é aberto à participação de todos, com perspectiva de expandi-lo de forma vertical, com a mostra da qualidade diversificada; e horizontal, abarcando a comunidade da tríplice fronteira”, explica o coordenador-geral do projeto e professor de Música da Unila, Luciano Simões.


Programação

Nos dias 6 e 7, serão apresentados cerca de 130 projetos de pesquisa, das diversas áreas do conhecimento, ao longo do 5º Encontro de Iniciação Científica e 1º Encontro de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação. No Seminário de Extensão, serão expostos pôsteres que vão apresentar um panorama dos trabalhos em andamento este ano, que somam 140 ações de extensão e 46 projetos de fluxo contínuo.

Os eventos também realizam em conjunto a mesa-redonda “O papel da Universidade na proposição de Políticas Públicas”, na quinta-feira (6), às 14h20, no auditório do Jardim Universitário.

Colaboração: Assessoria