24°
Máx
17°
Min

Ponta Grossa chega a 17 colégios estaduais ocupados

(Foto: Divulgação / Massa News) - Ponta Grossa chega a 17 colégios estaduais ocupados
(Foto: Divulgação / Massa News)

Com novas ocupações entre o feriado desta quarta (12) e a manhã desta quinta-feira (13), já são 16 colégios estaduais ocupados por estudantes em protesto contra as reformas curriculares no Ensino Médio. Somente na manhã de hoje, estudantes ocuparam os colégios Nossa Senhora das Graças, Julio Teodorico, Linda S. Bacila e José Elias da Rocha.

Os alunos protestam contra a medida provisória 746/2016, que prevê mudanças na carga horária de 800 para 1.400 horas/aula por ano, além de transformar disciplinas como Sociologia, Filosofia e Artes como opcionais.

Além dos quatro colégios ocupados hoje pela manhã, são palco de protestos os colégios Ana Divanir Borato, Polivalente, Regente Feijó, Epaminondas Ribas, Meneleu Torres, Pietro Martinez, Elzira de Sá, Presidente Kennedy, José Gomes do Amaral, Agrícola Augusto Ribas, Sirley Jagas, João Borell D. Vernay e Nossa Senhora da Glória.

Região

Estudantes de outras cidades da região também se mobilizaram contra a MP 746/2016. Em Guarapuava, foram ocupados quatro colégios: Mahatma Gandhi, Heitor Rocha Kramer, Manoel Ribas e Antônio Tupy Pinheiro. Outras três instituições em Sengés também foram palco de protestos: Anita Salmon, Costa e Silva e Erasmo Braga.

Em Laranjeiras do Sul, dois colégios seguem ocupados, Gildo Aluisio Schuck e Floriano Peixoto. As cidades de Castro, Piraí do Sul, União da Vitória e Carambeí mantém um colégio com manifestações.