22°
Máx
16°
Min

UEPG adia provas do vestibular para cursos a distância

(Foto: Divulgação) - UEPG adia provas do vestibular para cursos a distância
(Foto: Divulgação)

A Coordenadoria de Processos de Seleção (CPS) da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) comunica o adiamento das provas do Vestibular EaD 2016, marcadas para este domingo (16), em 31 cidades.

A decisão se deve à ocupação de algumas das escolas da rede estadual que seriam utilizadas para as provas, sem tempo hábil para sua substituição e comunicação aos candidatos; e também a possibilidade de novas escolas serem ocupadas até o próximo domingo. São 3.618 inscritos, concorrendo a 2.620 vagas.

De acordo com o coordenador geral da CPS, Edson Marchinski, a decisão visa resguardar a realização do Vestibular, sem prejuízo aos candidatos. “Todos serão comunicados da decisão tomada pela CPS, assim como serão informados sobre a nova data das provas, assim que a situação nas escolas da rede pública do estado esteja normalizada”.

Para tanto, os candidatos devem ficar atentos às mensagens de e-mail e comunicados no portal da UEPG (www.uepg.br) e na página do Vestibular (www.cps.uepg.br/ead).

As provas do Vestibular EaD 2016 ocorrerão em Apucarana, Assaí, Bandeirantes, Bituruna, Campo Largo, Cândido de Abreu, Cerro Azul, Colombo, Congonhinhas, Cruzeiro do Oeste, Curitiba, Faxinal, Goioerê, Ibaiti, Ipiranga, Jacarezinho, Jaguariaíva, Lapa, Palmeira, Paranaguá, Pato Branco, Ponta Grossa, Pontal do Paraná, Prudentópolis, Reserva, Rio Negro, São Mateus do Sul, Sarandi, Siqueira Campos, Telêmaco Borba e Umuarama.

Concorrência

Dos 3.618 inscritos Vestibular EaD 2016, 548 se inscreveram às 446 vagas da cota reservada a professores em exercício na rede pública de ensino. A proporção é de 1,229 candidato por vaga. Já para a cota universal (aberta à comunidade), são 3.070 concorrentes a 2.174 vagas, o que resulta na proporção de 1,412 candidatos por vaga.

O curso de Pedagogia, no polo de EaD de Ponta Grossa, tem a maior concorrência. São 391 inscritos para 50 vagas. A concorrência é de 7,820 candidatos por vaga. Na cota da rede pública, 68 professores concorrem a 25 vagas (2,720/vaga); e na cota universal, 323 inscritos para 25 vagas (12,920/vaga).

A segunda maior concorrência está no polo EaD da Lapa, onde o curso de licenciatura em Educação Física tem 228 inscritos para 50 vagas (4,560/vaga). Na cota de professores da rede pública, são 32 concorrentes a 25 vagas (1,280/vaga); e na cota universal, 196 candidatos concorrendo a 25 vagas (7,840/vaga).

Além desses dois cursos, a UEPG ainda oferta as licenciaturas em Computação, Geografia, História, Letras Português/Espanhol e Matemática, com divisão de vagas entre professores da rede de ensino (50%) e comunidade (50%); e para bacharelado em Administração Pública; e tecnólogo em Gestão Pública (duração de dois anos), sem divisão por cotas.

Colaboração Assessoria de Imprensa.