20°
Máx
14°
Min

Acordo e fechamento das fronteiras faz fluxo de imigrantes cair 90% na Grécia

O acordo de imigração da União Europeia (UE) com a Turquia e o fechamento da fronteira dos Bálcãs levaram a uma queda de 90% no número de imigrantes que chegam na Grécia, disse a agência de fronteiras da União Europeia (Frontex), nesta sexta-feira.

Menos de 2.700 migrantes, principalmente sírios, chegaram em abril nas ilhas gregas, uma queda de 90% em relação ao mês anterior, informou Frontex. O número total de chegadas na Grécia durante todo o mês de abril foi abaixo do número atingido em apenas uma ilha grega em um único dia em outubro do ano passado, observou a agência.

A agência sinalizou duas razões para a queda: a decisão tomada em meados de fevereiro pelos países do Norte da Grécia para restringir o acesso dos imigrantes na chamada rota dos Bálcãs e o acordo de imigração fechado entre a Turquia e a UE em março. Sob os termos do acordo, a Turquia concordou em ter de volta todos os imigrantes que chegarem nas ilhas gregas depois de 20 de março, em troca 6 bilhões de euros em ajuda da UE e a isenção de visto para os cidadãos turcos para o bloco. No entanto, este acordo segue ameaçado em meio a um impasse entre os parlamentares sobre a concessão de visto. Fonte: Dow Jones Newswires.