26°
Máx
19°
Min

Acusado por ataques em Paris, Abdeslam aceitará extradição para França

Suspeito de ser um dos principais autores dos atentados de novembro em Paris, Salah Abdeslam não se oporá a uma extradição da Bélgica para a França, afirmou nesta quinta-feira o advogado dele, Sven Mary.

Abdeslam foi detido na última sexta-feira. Nesta quinta-feira, o advogado dele compareceu a um tribunal belga, em meio a uma forte presença policial e militar para a segurança da área. Anteriormente, Mary havia sugerido que seu cliente contestaria a determinação para que fosse extraditado, mas agora o advogado disse que Abdeslam quer ser transferido para a França rapidamente.

O suspeito não estava presente para a audiência no tribunal, realizada para determinar se as autoridades continuarão a mantê-lo preso. A decisão sobre esse ponto foi retardada até 7 de abril, para que a defesa tivesse mais tempo de analisar o caso.

Mary disse que seu cliente, mantido em uma prisão perto de Bruges. Abdeslam está isolado e sem acesso à imprensa e, por isso, disse o advogado, ele não poderia ter tido reação alguma aos ataques ocorridos na terça-feira em Bruxelas. Fonte: Dow Jones Newswires.