22°
Máx
17°
Min

Austrália confirma segunda grávida infectada com o vírus zika


O governo da Austrália anunciou nesta sexta-feira o segundo caso de uma mulher grávida que foi infectada pelo vírus zika depois de ter viajado para o exterior. O outro caso também foi informado nesta semana.

A mulher, do estado de Victoria, foi diagnosticada com zika após retornar de um país onde o vírus tem sido transmitido pelo mosquito Aedes Aegypti, disse a ministra da Saúde de Victoria, Jill Hennessy. Ela se recusou a liberar quaisquer outros detalhes sobre o caso, incluindo o país que mulher viajou, citando a privacidade da paciente.

No início desta semana, uma mulher grávida no estado de Queensland também foi diagnosticada com zika depois de viajar para o exterior.

Especialistas dizem que o risco do vírus se espalhar por toda a Austrália é extremamente baixo, uma vez que o mosquito que transporta o vírus só vive no extremo nordeste do país, que é pouco povoado.

"A minha principal preocupação hoje não é com o risco para a saúde pública, mas sim com a mulher que tem que lidar com a ansiedade de receber uma notícia preocupante", disse Hennessy, a repórteres.
Fonte: Associated Press.