28°
Máx
17°
Min

Ban Ki-moon condena teste nuclear da Coreia do Norte

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon condenou o teste nuclear realizado pela Coreia do Norte nesta sexta-feira e disse que o evento foi mais uma violação das resoluções do Conselho de Segurança que proíbem o país de conduzir experimentos deste tipo.

Ban Ki-moon pediu que os líderes norte-coreanos recuem e se dediquem a melhorar as condições de vida de seus cidadãos, além de abandonar seu programa nuclear. Ele também afirmou que serão necessárias novas ações da ONU.

"Eu conto que o Conselho de Segurança se mantenha unido e tome a ação apropriada", disse Ban Ki-moon. Nesta tarde, o Conselho teve uma reunião de emergência e alguns diplomatas afirmaram que medidas punitivas, como sanções, ainda vão levar algum tempo.

O embaixador britânico Matthew Rycroft disse a repórteres que o Conselho pode tomar uma série de medidas, incluindo a implementação total de sanções em curso, adicionando novos nomes à lista já existente e fortalecendo e expandindo as atuais punições.

A China, por outro lado, vem se opondo a novas sanções à Coreia do Norte. Pequim não quer desestabilizar o país e arriscar um colapso do regime de Kim Jong-un, temendo que isso faria toda a península da Coreia se tornar um aliado militar dos Estados Unidos. Fonte: Dow Jones Newswires.