21°
Máx
17°
Min

Bélgica tem primeiro caso de eutanásia de um menor de idade

(Foto: Ilustração) - Bélgica tem primeiro caso de eutanásia de um menor de idade
(Foto: Ilustração)

A Bélgica relatou o primeiro caso de eutanásia de um menor de idade desde que as restrições de idade para a morte assistida foram eliminadas no país, há dois anos. O senador Jean-Jacques De Gucht, que elaborou a lei, confirmou neste sábado a morte do menor, que sofria de uma doença terminal. Ele disse que o paciente era da região de Flandres, mas não deu mais detalhes.

A Bélgica é o único país que permite que um menor de qualquer idade tenha ajuda para morrer, disse De Gucht. Na Holanda, a idade mínima para a eutanásia é de 12 anos.

"É terrível quando um jovem sofre, mas me consola saber que agora há uma alternativa para crianças em estado terminal", disse o senador. "É importante que a sociedade não ignore pessoas que estão passando por essa dor."

Os critérios para aprovação da eutanásia, no entanto, são bastante rigorosos. O menor precisa estar nos estágios finais de uma doença terminal, entender a diferença entre vida e morte de maneira racional e ter pedido várias vezes ajuda para morrer. A eutanásia também precisa da aprovação dos pais do menor e de dois médicos, entre eles um psiquiatra.

A lei recebeu amplo apoio popular quando entrou em vigor, em 2014, mas foi criticada por alguns pediatras e pela Igreja Católica do país. "Muitas pessoas, de qualquer profissão, ainda têm dificuldade para lidar com a ideia de que as pessoas podem escolher quando morrer", disse De Gucht. Fonte: Associated Press.