22°
Máx
17°
Min

Estado Islâmico divulga vídeo que mostra autores de ataque a padre na França

A agência de notícias do Estado Islâmico, a Amaq, divulgou hoje um vídeo no qual os responsáveis por degolar um padre no norte da França ontem juram lealdade ao grupo. Usando uma jaqueta camuflada e falando árabe, um dos agressores usou o nome de guerra Abul Jaleel al-Hanafi, mas os promotores franceses disseram que trata-se de Adel Kermiche, um jovem de 19 anos que cresceu na cidade e tentou viajar para a Síria duas vezes no ano passado.

No ano passado, Kermiche foi detido fora da França em uma de suas tentativas de chegar à Síria, mas um juiz ordenou sua soltura e o colocou sob prisão domiciliar, com pulseira eletrônica que permitia sua livre circulação pela região durante quatro horas. Um policial disse à Associated Press que a pulseira foi desativada durante essas quatro horas, o que possibilitou que Kermiche saísse de casa sem que os alarmes soassem.

A Procuradoria disse que o segundo terrorista não foi formalmente identificado, mas, no vídeo, Kermiche afirma que o outro agressor se chama Ibn Omar. Com a ameaça de ataques na França extremamente alta, o ministro da Defesa, Jean-Yves Le Drian afirmou que 4 mil membros da força de Sentinela do exército vão patrulhar Paris e outros 6 mil o farão nas províncias. Fonte: Associated Press.