22°
Máx
14°
Min

EUA: Sanders fala em responsabilização policial; Hillary lembra trajetória

Os pré-candidatos Democratas à Presidência dos Estados Unidos Bernie Sanders e Hillary Clinton fizeram campanha no Estado norte-americano de Wisconsin neste sábado e eram esperados em um jantar do Partido Democrata em Milwaukee na noite de hoje. As primárias da sigla no Estado devem ser realizadas na terça-feira.

Sanders disse em evento no norte da cidade de Milwaukee que policiais que descumprem a lei ao atirar em cidadãos desarmados "devem ser responsabilizados". O pré-candidato tenta atrair os votos do eleitorado negro, que tem preferido a sua oponente, Hillary Clinton, nas prévias do partido. Sanders defendeu ainda mudanças no sistema de justiça criminal, a descriminalização do porte de maconha e o fim de leis de identificação de eleitores que desproporcionalmente mantêm minorias nos EUA afastadas das eleições no país. Ele subiu ao palco sob aplausos, mas de uma plateia de 250 pessoas, cerca de metade do público esperado.

Hillary Clinton, por outro lado, tentou estabelecer um contraste com Sanders, ao enfatizar sua trajetória como Democrata. "Tenho sido uma Democrata com orgulho durante toda a minha vida adulta e acho que isso é importante se estamos selecionando alguém para ser um candidato Democrata do Partido Democrata", afirmou Clinton, a centenas de pessoas que se reuniram em um salão de hotel na cidade de Eau Clair. O comentário de Clinton parece ser um ataque contra Sanders, senador independente pelo Estado de Vermont, que se descreve como socialista democrático. Fonte: Associated Press.