22°
Máx
16°
Min

Ex-governador da Califórnia declara apoio a Ted Cruz em convenção republicana

O candidato republicano à presidência dos Estados Unidos Ted Cruz ganhou neste sábado, durante convenção de seu partido realizada em Burlingame, nos arredores de São Francisco, o apoio oficial do ex-governador da Califórnia e senador, Pete Wilson.

Wilson elogiou Cruz por seu comprometimento com uma defesa nacional forte e a nomeação de juízes da Suprema Corte que iriam interpretar a lei, não legislar de seus bancos. Enquanto Cruz é favorito do Tea Party e conservador, Wilson é considerado um moderado que poderia ajudar Cruz a angariar apoio do meio político.

No dia 7 de junho serão realizadas as primárias no Estado da Califórnia. Donald Trump continua sendo o único concorrente do Comitê Nacional Republicano capaz de angariar um número de delegados suficiente para assegurar nomeação para a convenção de verão do partido.

Hoje, Cruz disse também que a Califórnia tem visto o mal causado pelo terrorismo islâmico e afirmou ser o homem certo para acabar com ele. Cruz fez referência aos ataques em San Bernardino, em dezembro de 2015, e criticou o presidente Barack Obama por falar aos norte-americanos sobre "islamofobia" ao invés de condenar o terrorismo. "O dia de ajuste de contas está chegando", declarou Cruz, dirigindo-se aos extremistas.

Nesta noite (horário local), Carly Fiorina, candidata a vice-presidente pela chapa de Cruz, também falará na convenção do partido em um hotel perto do aeroporto de São Francisco. A Califórnia normalmente tem peso menos relevante no processo de nomeação dos candidatos à presidência mas, este ano, acredita-se que os 172 delegados do Estado poderão decidir se Trump se torna o candidato do partido ou se Cruz ainda tem chances de assumir o posto em uma segunda votação na convenção nacional republicana em julho.

A seleção de vice-presidentes raramente movimentam votos em uma eleição geral, mas opositores de Trump têm esperança de que Fiorina pode ajudar Cruz nas primárias do Estado.Fiorina cresceu na região conhecida como Bay Area, em São Francisco, e foi presidente da HP antes de deixar a Califórnia e ingressar na política. Mudou-se para o Estado da Virgínia logo apois ter pedido a corrida no Senado para a candidata democrata Barbara Boxer, em 2010. Nesta tarde, Cruz destacou sua parceira na corrida presidencial, lembrando que ela seria a primeira californiana em uma campanha nacional desde Reagan. Fonte: Associated Press.