24°
Máx
17°
Min

Milhares de pessoas marcham a favor dos rebeldes no Iêmen e contra o governo

Milhares de iemenitas marcharam neste sábado em apoio aos rebeldes xiitas, conhecidos como houthis, e a favor ao ex-presidente Ali Abdullah Saleh, pedindo a implementação de um conselho político formado pelos rebeldes e pelo partido fundado por Saleh no mês passado.

A manifestação ocorreu na capital do Iêmen, Sanaa, e foi coordenada pelos rebeldes. O governo internacionalmente reconhecido e a Organização das Nações Unidas (ONU) imediatamente rejeitaram a iniciativa. Saleh foi forçado a renunciar em 2012 em meio aos protestos da Primavera Árabe, após três décadas no poder.

A guerra no Iêmen coloca tropas e milícias leais ao governo, apoiadas por uma coalizão liderada pela Arábia Saudita, contra os rebeldes xiitas e as tropas leais a Saleh. Os

houthis capturaram Sanaa em 2014 e a coalizão dos EUA iniciou sua ofensiva em março de 2015.

Durante as manifestações, três ataques aéreos tiveram como alvo o palácio presidencial, deixando algumas pessoas feridas, de acordo com as autoridades. Os rebeldes também tentaram tomar o controle do banco central do Iêmen. O presidente do país, Abd Rabbuh Mansur Hadi, planejava realocar a instituição fora da capital, controlada pelos rebeldes, e apontar um novo conselho de diretores, segundo fontes próximas ao governo.

As negociações de paz entraram em colapso no início deste mês, e as forças lideradas pela Arábia Saudita retomou os ataques aéreos pesados logo em seguida. Fonte: Associated Press