22°
Máx
17°
Min

Na Grécia, imigrantes fazem motim após morte de mulher e filho

A polícia grega informou neste domingo que imigrantes que vivem em um acampamento na cidade de Salonica, no norte do país, realizam um motim após uma mulher curda de 35 anos e seu filho de 10 terem sido atropelados e mortos por um carro.

O motim começou na noite de domingo depois que uma ambulância se atrasou para chegar ao local. Os moradores do acampamento reclamaram também que a polícia se recusou a levar mãe e filho para um hospital.

Os imigrantes bloquearam a estrada, jogaram pedras nos policiais e tocaram fogo em duas viaturas da polícia. A polícia respondeu com bombas de gás e efeito moral. Os imigrantes tocaram fogo em latas de lixo para se defender. Com a calma restabelecida, eles voltaram para o acampamento, que abriga cerca de 1300 imigrantes. Fonte: Associated Press.