26°
Máx
19°
Min

Nos EUA, Trump ameaça processar Ted Cruz por falar mentiras sobre suas posições

O pré-candidato à corrida presidencial nos EUA pelo partido republicano Donald Trump deu um ultimato ao seu rival Ted Cruz, ameaçando processá-lo por sua elegibilidade para servir na Casa Branca, a menos que o senador do Texas pare de falar "coisas erradas sobre ele" e peça desculpas para o bilionário por ter falado "uma série de mentiras" sobre suas posições.

"Se ele não retirar seus falsos anúncios e retrair suas mentiras, vou mover imediatamente uma ação judicial questionando sua elegibilidade para servir como presidente", disse Trump sobre Cruz.

Trump disse anteriormente que um tribunal federal deve decidir se encontra em Cruz a exigência constitucional de ser um "cidadão nato" para servir como presidente. Cruz nasceu no Canadá, mas sua mãe era norte-americana.

"Ted Cruz é um indivíduo totalmente instável. Ele é o único grande mentiroso. Suas declarações são totalmente falsas e completamente ultrajantes", disse Trump em comunicado. Em outros depoimentos, Trump o acusou de "o cara mais desonesto que já conheci na política" e de ser "um caso perdido".

Cruz rebateu afirmando que Trump sempre fica nervoso quando vê que os números das pesquisas mostram queda. "A única explicação que se pode ter é seus números nas pesquisas internas na Carolina do Sul devem estar despencando na sequência do debate", disse Cruz. "É uma coisa incrível. Você já percebeu como Donald fica nervoso quando ele percebe que os números começam cair?", acrescentou.

Com menos de uma semana das primárias na Carolina do Sul, Trump também atacou o pré-candidato e ex-governador da Flórida Jeb Bush ao reiterar que os ataques de 11 de setembro ocorreram enquanto George W. Bush estava no poder. Fonte: Associated Press