20°
Máx
14°
Min

Número de mortos em ataque terrorista na capital do Afeganistão sobe para 64

O número de mortos no ataque feito pelo Taleban em Cabul na terça-feira aumentou para 64, de acordo com o Ministério do Interior do Afeganistão. O general Abdul Rahman Rahimi, chefe da polícia de Cabul, informou em entrevista à imprensa que duas equipes de investigação foram selecionadas para apurar o caso e que os mortos eram majoritariamente civis, incluindo mulheres e crianças.

O ataque tinha como alvo uma agência que oferece proteção para autoridades do governo afegão. Um homem-bomba detonou um caminhão com explosivos em frente ao local e alguns homens armados invadiram o complexo logo depois da explosão, mas acabaram sendo mortos. O Taleban reivindicou a autoria do ataque.

"Relatos iniciais mostram que o ataque foi planejado fora das fronteiras do país", linguagem que autoridades afegãs usam para culpar o vizinho Paquistão, que acusam de proteger o grupo terrorista.

O primeiro-ministro do Afeganistão, Abdullah Abdullah, adiou uma visita que faria em breve ao Paquistão e visitou o local do ataque na terça-feira, segundo seu porta-voz, Jawed Faisal. "O governo fez a defesa da paz, mas infelizmente a resposta do inimigo é o combate, a violência, o derramamento de sangue e o assassinato de inocentes", disse Abdullah. Fonte: Associated Press.