20°
Máx
14°
Min

Obama mostra preocupação com violações de direitos humanos em discurso no Vietnã

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reforçou as críticas aos direitos humanos no Vietnã e refletiu sobre "a dor e os sacrifícios dos dois lados" da Guerra do Vietnã, em um discurso durante o segundo dos três dias de sua visita ao país do Sudeste Asiático.

Obama, após minimizar as preocupações sobre os direitos humanos no início de sua visita, argumentou na terça-feira que os governos que permitem a dissidência e as liberdades políticas são recompensados com a estabilidade e a prosperidade econômica.

"Quando há liberdade de expressão e liberdade de discurso...isso impulsiona a inovação que as economias precisam para florescer", afirmou Obama, durante o discurso no Centro Nacional de Convenções de Hanói.

Antes de falar, Obama se reuniu com algumas lideranças da sociedade civil do país, onde disse que havia "preocupações significativas em termos de áreas de discurso livre, liberdade de assembleia, prestação de contas com respeito ao governo" no país. A ativista e pop star Mai Khoi, após a reunião, disse que o encontro "dá reconhecimento oficial ao movimento por uma sociedade civil independente no Vietnã". Fonte: Dow Jones Newswires.