22°
Máx
14°
Min

Prefeito e policiais são presos por conexão com morte de 10 pessoas no México

Um prefeito e quatro oficiais de polícia foram presos no México por conexão com o assassinato de 10 pessoas que foram mortas e queimadas no final de semana, informou o governo nesta terça-feira.

O governador do estado de Michoacan, Silvano Aureoles, afirmou em entrevista com a Imagen Radio que as autoridades inicialmente pensaram que os corpos encontrados em uma picape perto de um gasoduto estavam de alguma forma relacionados com dutos ilegais.

Entretanto, Aureoles disse que a investigação concluiu que a polícia da cidade de Alvaro Obregon prendeu as vítimas.

Em entrevista para o canal Milenio, Aureoles afirmou que a investigação "aponta diretamente para o prefeito, que deu a ordem". Sem mencionar o nome do prefeito, ele disse que ele e quatro oficiais da polícia foram levados para a prisão.

O procurador do estado, Jose Martin Godoy também afirmou em uma coletiva de imprensa na noite de segunda-feira que o prefeito que deu a ordem para matar. "Após eles serem presos, de acordo com instruções do prefeito, eles foram levados a um local em Alvaro Obregon aonde foram mortos e seu corpos foram levados a uma propriedade em Cuitzeo aonde os corpos foram queimados", disse.

O motivo do crime parece estar relacionado a uma rivalidade sobre venda de drogas na rua, disse Aureoles. Fonte: Associated Press.