21°
Máx
17°
Min

Presidente do BC Europeu vai a Berlim debater política de juros baixos

O presidente do Banco Central Europeu (ECB, na sigla em inglês), Mario Draghi, vai viajar para Berlim no final deste mês para conversar com legisladores alemães sobre as críticas acerca da política de "dinheiro fácil" do ECB na maior economia da Europa.

Draghi vai visitar o parlamento alemão no dia 28 de setembro, como resposta a um convite de legisladores alemães na primavera, disse um porta-voz do banco. O presidente deve fazer um discurso aos membros dos comitês financeiro e europeu do parlamento e depois responder perguntas. O discurso deve ser publicado, mas a sessão de perguntas e respostas será privada.

As críticas ao ECB estão crescendo na Alemanha após o Banco anunciar um estímulo importante em março, que incluí fortes cortes de taxas de juros. O ministro de Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, chegou a dizer que os governos da Europa e dos Estados Unidos devem encorajar os seus bancos centrais a gradualmente saírem das políticas de "dinheiro fácil".

"Há um crescente entendimento que a liquidez excessiva vem como mais um problema do que uma solução", afirmou o ministro, em meados de abril.

Vários executivos de bancos estão criticando ferozmente a política de juros do ECB. Eles afirmam que ela prejudica os lucros e restringe a capacidade das instituições de emprestarem dinheiro.