21°
Máx
17°
Min

Reino Unido busca reafirmar relação com China, após retardar acordo nuclear

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, buscou reafirmar a aliança com a China e que o governo de Londres está comprometido com o fortalecimento das relações com Pequim. O aceno é realizado após o governo dela retardar no mês passado a decisão final sobre um importante acordo, o que abalou a relação bilateral.

O adiamento da decisão sobre a construção de uma usina nuclear gerou dúvidas sobre se a nova premiê buscará relançar as relações entre os dois países. O Reino Unido disse que precisará esperar até o outono local para revisão o controverso projeto de 18 bilhões de libras (US$ 23,3 bilhões), financiado por chineses e franceses, que tinha sido fechado pelo ex-premiê David Cameron.

Em carta ao presidente da China, Xi Jinping, e ao premiê do país, Li Keqiang, May afirmou que ela "estava ansiosa" para participar do encontro do G-20 em Hangzhou no próximo mês, bem como em "fortalecer a cooperação com a China em questões econômicas, comerciais e globais", disse a chancelaria chinesa nesta segunda-feira. Fonte: Dow Jones Newswires.