21°
Máx
17°
Min

Rússia confirma 5 mortes na queda de helicóptero do país na Síria

O governo da Rússia confirmou a morte de cinco pessoas, após um helicóptero do país ser derrubado na Síria. Trata-se do mais mortífero incidente para os militares russos desde o início de seu envolvimento na guerra civil síria.

O helicóptero Mi-8 foi derrubado na província de Idlib enquanto retornava à base aérea na costa síria, depois de entregar ajuda humanitária na cidade de Alepo, informou em comunicado o Ministério da Defesa russo. Até agora, nenhum grupo assumiu a autoria do ataque.

O incidente ocorreu na província de Idlib, onde há forte presença de rebeldes tanto do braço da Al-Qaeda conhecido como Frente Nusra como de outros rebeldes. Vídeos divulgados na internet por ativistas da oposição mostravam os destroços do helicóptero russo.

A queda foi a mais mortífera para os russos desde setembro passado, quando Moscou começou a realizar ataques aéreos na Síria em apoio às forças do presidente sírio, Bashar al-Assad.

A Organização das Nações Unidas estima que cerca de 300 mil pessoas estejam presas na zona de Alepo controlada pelos rebeldes. Ativistas da oposição disseram que há intensos confrontos em Alepo nesta segunda-feira. Uma autoridade militar, que pediu anonimato, não deu detalhes sobre o assunto. Fonte: Associated Press.