22°
Máx
17°
Min

Rússia diz que Putin discutirá crise na Ucrânia com Merkel e Hollande

(Foto: Divulgação) - Rússia diz que Putin discutirá crise na Ucrânia com Merkel e Hollande
(Foto: Divulgação)

Os líderes de Rússia, Alemanha e França concordaram em se reunir no próximo mês nos intervalos de um encontro do G-20 na China para discutir a crise na Ucrânia, informou o Kremlin nesta terça-feira.

A chanceler alemã, Angela Merkel, o presidente francês, François Hollande, e o presidente russo, Vladimir Putin, se reunião durante o evento, marcado para 4 e 5 de setembro, informou o governo de Moscou em comunicado. A nota acrescenta que os líderes falaram nesta terça-feira por telefone para discutir os acontecimentos do leste ucraniano, onde há confrontos entre as forças do governo e separatistas pró-Rússia.

O Kremlin informou que foi expressa a preocupação com a instabilidade e a violação sistemática do cessar-fogo na região. A Rússia tem apoiado separatistas no leste da Ucrânia, ainda que o governo russo negue apoiar diretamente os rebeldes.

Kiev e Moscou recentemente tiveram uma escalada retórica. Putin culpou o governo ucraniano pela morte de dois militares russos na Crimeia, península do Mar Vermelho anexada em 2014 por Moscou, e sugeriu que seu governo responderia a isso. O presidente ucraniano, Petro Poroshenko, qualificou a alegação como "absurda e cínica" e disse que isso era "um pretexto para as mais recentes ameaças militares contra a Ucrânia". Fonte: Dow Jones Newswires.