22°
Máx
14°
Min

Trump e Hillary buscam consolidar vantagem em primárias no oeste dos EUA

O republicano Donald Trump e a democrata Hillary Clinton buscam reforçar a liderança nas primárias nesta terça-feira, agora que as disputas mudam para os Estados do oeste do país. Arizona e Utah realizam primárias dos dois partidos, enquanto o Partido Democrata realiza também caucus em Idaho.

As disputas podem ajudar a determinar se o senador democrata Bernie Sanders e se os republicanos Ted Cruz e John Kasich podem ameaçar a sensação crescente de inevitabilidade de uma disputa entre Hillary e Trump pela Casa Branca.

"Eu tenho mais votos que qualquer um", disse Trump na segunda-feira. "As pessoas que estão contra mim deveriam me apoiar", afirmou.

Hillary, por sua vez, já começa a se concentrar na eleição geral contra Trump. Segundo ela, os EUA não podem ter um país que é "neutro na segunda-feira, pró-Israel na terça-feira e quem sabe lá o quê na quarta-feira, porque tudo é negociável".

Em Utah, um Estado com forte presença de mórmons, as pesquisas sugerem que o senador ultraconservador Ted Cruz tem chance de conseguir mais de 50% dos votos no caucus e, com isso, todos os 40 delegados que Utah concede nas primárias. Se Cruz não atingir esse patamar, os delegados serão divididos proporcionalmente entre os candidatos.

Trump parece ter mais força no Arizona, onde o vencedor leva todos os 58 delegados, independentemente da diferença de votos. Os republicanos contrários ao empresário trabalham para impedir que ele consiga os 1.237 delegados necessários para conseguir a vaga na disputa presidencial. Até agora, Trump tem 680 delegados, Cruz obteve 424 e Kasich, 143. Caso Trump não consiga uma vantagem definitiva de delegados, os rivais querem levar a disputa para a convenção nacional do Partido Republicano, em junho.

Do lado democrata, a vantagem da ex-secretária de Estado é maior. Hillary tem 1.163 delegados até agora e Sanders, 844. É necessário, no partido, obter 2.383 delegados para garantir a nomeação. Fonte: Associated Press.