22°
Máx
17°
Min

Trump sugere que Hillary arranjou assento para pai de agressor da boate gay

(Foto: Divulgação) - Trump diz que  Hillary arranjou assento para pai de agressor de boate
(Foto: Divulgação)

O candidato republicano para a corrida presidencial dos Estados Unidos, Donald Trump, disse hoje que a campanha de sua rival democrata, Hillary Clinton, ajudou a arranjar um assento para o pai do homem que matou 49 pessoas em uma boate gay em Orlando, atrás dela em um comício em Kissimmee, na segunda-feira.

Seddique Mateen foi identificado na plateia do comício na visão de câmeras de TV posicionadas em frente à Hillary. A campanha da democrata disse que o comício foi aberto ao público, que não o convidou e que não tinha ciência de sua presença.

"Não foi terrível quando o pai do animal que matou aquelas pessoas maravilhosas em Orlando estava sentado com um grande sorriso em seu rosto bem atrás de Hillary Clinton?", perguntou Trump ao público de uma arena de hóquei a oeste de Fort Lauderdale. "Quando você consegue esses assentos, você meio que sabe que a campanha... Eles sabiam", disse.

Nas redes sociais e em entrevistas à televisões de língua persa, Mateen tem sido um crítico ferrenho do governo apoiado pelos EUA em Kabul. Ele se declarou chefe de um "governo transitório e revolucionário do Afeganistão", e até partilhou nomes de seu gabinete imaginário.

"Ele discorda com suas visões e nega seu apoio", disse o porta-voz da campanha de Hillary, Nick Merrill. Fonte: Dow Jones Newswires.