21°
Máx
17°
Min

Turquia detém 10 estrangeiros suspeitos de estarem ligados a clérigo Gulen

O vice-primeiro ministro da Turquia, Numan Kurtulmus, disse nesta segunda-feira que 10 cidadãos estrangeiros foram detidos suspeitos de estarem ligados com o clérigo Fethullah Gulen, exilado nos EUA, e que o governo turco acusa de ser o mentor da tentativa fracassada de golpe no dia 15 de julho.

Kurtulmus afirmou que pelo menos quatro deles tinham sido formalmente preso e aguardavam julgamento. Ele não deu detalhes sobre suas nacionalidades.

O vice-primeiro ministro disse ainda que um dos detidos é uma pessoas que entrou ilegalmente na Turquia da Síria, no sábado.

O clérigo Fethullah Gulen, que negou qualquer envolvimento no golpe fracassado, vive em exílio auto-imposto na Pensilvânia, nos EUA. Fonte: Associated Press.