20°
Máx
14°
Min

Aeroporto Santana recebe últimos ajustes antes de inauguração

Governador Beto Richa participa de inauguração do Aeroporto Santana

O aeroporto Santana será reinaugurado nesta quinta-feira (30), às 11h30, totalmente adaptado e equipado para a operação de voos comerciais. A data marca uma nova etapa no desenvolvimento da cidade que, a partir da instalação das companhias aéreas nas dependências do Aeroporto Santana, passará a ter voos regulares para o estado de São Paulo. Nos dias que antecedem a reabertura, a Prefeitura está realizando uma série de melhorias finais na infraestrutura do espaço.

Entre estas melhorias estão a reestruturação da rua de acesso ao Aeroporto Comandante Antônio Amilton Beraldo (Santana) com extensão de 1 quilômetro, com a realização de nova drenagem e nova pavimentação. Outros detalhes como sinalizações horizontais, capina e limpeza também estão sendo finalizados para a recepção, que deverá contar com o voo inaugural da Azul Linhas Aéreas – com o modelo turbo-hélice ATR 72-600. Além do prefeito Marcelo Rangel, o governador Beto Richa também confirmou presença no evento.

As obras realizadas pela Prefeitura no Aeroporto Santana, através da Secretaria de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, foram recentemente elogiadas pela Secretaria de Aviação Civil (SAC). Segundo o órgão nacional, as modificações estruturais promovidas para permitir os vôos comerciais foram inteligentes e custaram muito menos do que o previsto originalmente para a ampliação do aeroporto. “Com estas obras, foi possível antecipar a abertura do aeroporto para vôos comerciais”, comenta o secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, Paulo Carbonar.

Investimentos

O investimento da Prefeitura nos últimos três anos no Aeroporto Santana foi de R$ 10 milhões, incluindo repasses federais, estaduais e recursos próprios do município. Entre os itens da reformulação do aeroporto estão a reforma do Terminal de Passageiros e o balizamento noturno, realizados com recursos da Secretaria de Infraestrutura e Logística do Governo do Estado (R$ 1,3 milhão), além da compra do caminhão para o Corpo de Bombeiros e estruturação da Seção Contra Incêndios – com recursos da Secretaria de Aviação Civil (R$ 1,6 milhão).

A Prefeitura investiu nos equipamentos para a operação aeroportuária e atendimento a passageiros e normas de segurança, asfaltamento das áreas do entorno, marcações da pista nos padrões ANAC, estrutura e implantação da caixa d’água com 25 mil litros para combate a incêndios, além do cercamento de toda a área do aeroporto e demais adaptações. Os valores investidos também englobam as horas de trabalho de máquinas e operários para as obras de aterramento, terraplenagem da reta da cabeceira, além da estruturação da seção contra incêndios, treinamento de pessoal e equipamentos de segurança, entre outros equipamentos e serviços.

Colaboração Assessoria de Imprensa.