20°
Máx
14°
Min

Aluno da escola de soldados é preso suspeito de estuprar enteada

Mãe descobriu abuso sexual ao se passar pela menina em uma rede social e procurou o Nucria (Foto: Divulgação) - Aluno da escola de soldados é preso suspeito de estuprar enteada
Mãe descobriu abuso sexual ao se passar pela menina em uma rede social e procurou o Nucria (Foto: Divulgação)

Um homem foi preso nesta quarta-feira (6) suspeito de abusar sexualmente da enteada de 13 anos. O suspeito é aluno da escola de soldados do 27º Batalhão de Polícia Militar (27º BPM) em Telêmaco Borba, a 135 quilômetros de Ponta Grossa, mesma cidade onde foi preso no início da tarde de hoje.

Os crimes aconteciam em Ponta Grossa, onde ele morava até janeiro, mês em que se mudou para a Capital do Papel para fazer o curso. A delegada Ana Paula Cunha Carvalho, do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria) de Ponta Grossa, confirmou a prisão do aluno soldado. A mãe da vítima descobriu os abusos nesta terça-feira (5) porque tentou usar o Facebook da filha para conversar com o marido e descobriu que o homem enviava várias mensagens com conteúdo pornográfico para a menina.

A denúncia chegou até a Polícia Civil nesta terça-feira. Mãe e filha já foram ouvidas pela delegada e confirmaram o abuso. A menina disse que o primeiro caso de estupro aconteceu quando ela ainda tinha oito anos de idade.

 Ele será trazido até Ponta Grossa, onde aconteceram os crimes, para prestar depoimento sobre o caso. Logo após, o suspeito será levado até a sede do 27º BPM, onde ficará preso. A identidade dele não foi revelada para não identificar a vítima dos abusos. A adolescente e a mãe também serão ouvidas pelas autoridades durante o andamento da investigação.