21°
Máx
17°
Min

Após morte de idosa, filha pede faixa elevada de pedestres na Garibaldi Deliberador

(foto: Rodrigo Marques/Rede Massa) - Após morte de idosa, filha pede faixa elevada de pedestres em avenida
(foto: Rodrigo Marques/Rede Massa)

Falta de sinalização aliada ao excesso de velocidade. A combinação já provocou três mortes na avenida Garibaldi Deliberador, na zona sul de Londrina.

A empresária Rosimary Guerra, dona de um estabelecimento comercial localizado na avenida encabeça uma campanha para que sejam instaladas faixas elevadas para pedestres na via.

Ela tem motivos de sobra para isso. A última vítima fatal da avenida foi Marina Dias de Melo, de 78 anos, mãe da empresária.

O acidente foi registrado na noite de 15 de junho, quando a mãe caminhava pela via justamente para encontrar a filha.

A idosa foi atropelada por um picape Montana, ‘carregada’ pelo veículo por cerca de 30 metros e arrastada por mais sete metros, morrendo ainda no local.

De acordo com a empresária, o principal problema da avenida é a falta de faixas de pedestres e de placas sinalizando o limite da via.

A reportagem tenta contato com o Ippul para saber se há projeto para melhorias na segurança do trânsito no local.

(colaborou Laís Cardoso/Rede Massa)