27°
Máx
13°
Min

Após um ano de obras, canil municipal é inaugurado

Ponta Grossa recebeu, na manhã de hoje (27), a mais nova construção do Centro de Referência de Animais de Risco (CRAR). Foram investidos R$ 630 mil em reforma e ampliação da estrutura para receber cães, gatos e equinos. Agora, o CRAR contará com uma equipe composta por um veterinário, um assistente administrativo, dois laçadores, dois zeladores e um motorista. O Centro foi inaugurado com 80 cães.

O estabelecimento tem capacidade transitória de 150 cães, dez equinos e o número de gatos ainda será estudado, pois a rotina e cuidados são diferentes no convívio com outros. Os animais, assim que chegam, são separados de acordo com os procedimentos recebidos. “Dentro da estrutura, existe o manejo de cores para distribuir os animais de forma correta e ordenada, sendo vermelha para animais que acabam de chegar, laranja para aqueles que estão em tratamento, amarela para os que já foram operados, e verde, para os que estão bem, porém ainda não disponíveis para adoção, pois ainda aguardam o resgate dos donos; e azul, os aptos a adoção”, comenta o Supervisor de Vigilância em Saúde, Carlos Eduardo Coradassi.

O CRAR ainda conta com dois veículos adaptados, um para recolhimentos dos animais de grande porte, por exemplo, os equinos e outro para recolhimento de cães nas ruas. Todos os animais acolhidos e tratados pelo Centro poderão ser adotados, pois o abrigo é temporário. “Ficaremos abertos para visitação. Elas acontecerão sempre acompanhadas por um profissional para manter a segurança e a biossegurança do local”, destaca Coradassi.

Dentro das mudanças no local, foi construído um pequeno auditório para trabalhar questões de educação permanente, tutela responsável e oficinas de enriquecimento ambiental, onde a população poderá produzir brinquedos para os animais utilizarem enquanto estiveram no abrigo. “As parcerias com as ONGs são muito importantes neste sentido também, para conseguirmos dar continuidade nos trabalhos e fazer com que a política pública de controle da população animal contemple todas as pessoas”, diz Coradassi.

O investimento mensal para manter o local em funcionamento é de R$ 30 mil.

Após um ano de obras, canil municipal é inaugurado

Colaboração Rafaela Schuinka, da Rede Massa, e Assessoria de Imprensa.