21°
Máx
17°
Min

Arquidiocese de Maringá promove missa para migrantes neste sábado

(Foto: Divulgação) - Arquidiocese promove missa para migrantes neste sábado
(Foto: Divulgação)

A Arquidiocese de Maringá promove neste sábado (18), às 19h, uma missa especial para os migrantes. A celebração será na paróquia Santo Antônio de Pádua, dentro da 31ª Semana Nacional do Migrante, que tem como tema “Migração e Ecologia: o grito que vem da Terra”, acompanhando o tema da Campanha da Fraternidade ecumênica deste ano, que motiva o cuidado com a ‘casa comum’.

A missa está sendo organizada pela Associação de Reflexão e Ação Social (Aras-Cáritas) que atende os migrantes com assessoria jurídica, curso de língua portuguesa, cuidado a doentes e outros serviços. Estima-se que cerca de 5 mil migrantes morem na região de Maringá atualmente.

Dados da Organização das Nações Unidades apontam que mais de 244 milhões de pessoas migraram em 2015, sendo que 20 milhões são refugiados de guerra e conflitos políticos. O drama de pessoas que tentam atravessar para a Europa e acabam naufragando, por exemplo, é recorrente nas notícias.


No Brasil tem chegado nos últimos anos grande número de haitianos, senegaleses, bengaleses, árabes, portugueses e outras origens em menor número, seja para trabalho quanto para fugir de conflitos. No país, eles têm sido alvo fácil para trabalho em condições insalubres e com menores salários.

Os 5 mil migrantes que vivem em Maringá e região revelam um novo desafio para a comunidade cristã na arquidiocese, assumidos pela Associação de Reflexão e Ação Social – Cáritas de Maringá, coloca a Igreja Católica. Desse modo, a entidade vem atuando junto aos migrantes em situação de vulnerabilidade e promovendo ações sociais com o objetivo de acolher as suas demandas.

Colaboração Arquidiocese de Maringá