23°
Máx
12°
Min

Aumento de 33% nos casos de dengue no Paraná

O Paraná registrou aumento de 33% no número de casos de dengue, em relação à semana passada, conforme boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). A quantidade de casos confirmados saltou de 5.541 para 7.360 neste período epidemiológico, desde agosto 2015. O balanço contempla dados até esta terça-feira (23).

A maior parte dos 7.360 casos confirmados é de pessoas que contraíram a doença no próprio estado. São 6.272 autóctones e 1.088 'importados'.

Houve aumento também no número de mortes. Agora, são 11 casos de óbito relacionados à dengue no Paraná, neste período. Cinco mortes foram registradas na última semana, todas em Paranaguá. A quantidade de óbitos chega a nove em Paranaguá, um em Curitiba e um em Foz do Iguaçu. A Sesa investiga outras 11 mortes.

São 16 municípios em epidemia por conta da dengue. A novidade em relação ao último boletim foi a inclusão de Jataizinho, cidade do norte pioneiro. Estão neste mesmo patamar os municípios Rancho Alegre, Munhoz de Mello, Paranaguá, Assaí, Santo Antônio do Paraíso, Mamborê, Cambará, Tapira, Itambaracá, Santa Isabel do Ivaí, Serranópolis do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, Nova Aliança do Ivaí, Foz do Iguaçu e Guaraci.

Curitiba

A mobilização de combate ao mosquito Aedes aegypti resultou na visita de 5.411 imóveis em Curitiba, entre os dias 15 e 19 deste mês, dentro da Operação Tira Focos, da Prefeitura de Curitiba. A ação contou com o apoio das Forças Armadas. 

Militares também participaram do Dia D de mobilização contra o mosquito, no dia 13. Na ocasião, 2,3 mil homens distribuíram panfletos para a população com o objetivo de orientar sobre os cuidados que devem ser tomados para evitar a proliferação do Aedes aegypti. Antes destas ações, os militares passaram por aulas de capacitação na Secretaria Municipal de Saúde.

Colaboração Secretaria de Estado da Saúde e Prefeitura de Curitiba