20°
Máx
14°
Min

Bandidos atacam dois bancos e atiram contra policiais

Criminosos atiraram contra pelotão da PM e fugiram com dinheiro do cofre de banco (Foto: Divulgação) - Bandidos atacam dois bancos e atiram contra policiais
Criminosos atiraram contra pelotão da PM e fugiram com dinheiro do cofre de banco (Foto: Divulgação)

Duas agências bancárias foram atacadas por uma quadrilha na cidade de Pinhão, a 50 quilômetros de Guarapuava, na região centro-sul do Paraná. Armados com fuzis, os criminosos atiraram contra o destacamento da Polícia Militar e invadiram as agências do Banco do Brasil e do Itaú na madrugada desta quinta-feira (3). Eles conseguiram fugir com o dinheiro do cofre de um dos bancos e ainda não foram encontrados.

De acordo com o tenente Mazza, que coordena a operação na cidade, a PM recebeu denúncias de que havia um grupo tentando arrombar os caixas do banco Itaú. “Quando os policiais se preparavam para atender à ocorrência, duas pessoas atiraram contra o Pelotão. Felizmente, os policiais conseguiram se esconder e já acionaram reforço em Guarapuava”, explica. Cerca de 30 policiais militares e do pelotão de Choque foram até a cidade vizinha.

Bandidos só conseguiram explodir cofre que guardava notas de pequeno valor (Foto: Divulgação)

Quando os tiros pararam, os policiais foram até as agências, localizadas na área central da cidade, e viram que as portas de vidro estavam estilhaçadas. “No Itaú, eles usaram maçaricos, mas não conseguiram abrir os caixas, provavelmente porque ouviram a explosão no Banco do Brasil e desistiram da ação, que ia demorar mais”, comenta.

No Banco do Brasil, eles chegaram a explodir um cofre que possuía um dispositivo de segurança que mancha as cédulas quando o equipamento é violado. “Eles arrombaram outro cofre, mas neste só havia cédulas de R$ 2 e R$ 5. Como eles deixaram parte do dinheiro, acreditamos que levaram apenas uma pequena quantia”, detalha o tenente.

No Itaú, bandidos usaram maçarico, mas não conseguiram abrir caixas eletrônicos (Foto: Divulgação)

Diversas viaturas percorreram várias possíveis rotas de fuga dos criminosos e, duas horas depois do crime, uma Captiva prata foi encontrada em uma estrada rural que leva até a localidade de Zattarlândia. O veículo, com placas de Itajaí (SC), teria sido usado pelos bandidos na fuga, segundo a PM. “Também foi encontrado no início da manhã na região de Inácio Martins uma caminhonete branca Suzuki usada pelos criminosos”, relata o tenente.

Várias equipes da PM de toda a região continuam fazendo buscas pelos suspeitos na região de Inácio Martins e Irati. “Existem muitas rotas de fuga na região onde a Suzuki foi encontrada, então estamos todos mobilizados para encontrar esta quadrilha”, completa.