27°
Máx
13°
Min

Câmara de Arapongas aprova projeto que barra prática do fracking

(foto: Divulgação) - Câmara de Arapongas aprova projeto que barra prática do fracking
(foto: Divulgação)

A Câmara de Vereadores de Arapongas aprovou, em primeira discussão na sessão de terça-feira (9) o projeto de lei que proíbe a concessão de alvarás pela prefeitura para exploração de gás de xisto no município por fraturamento hidráulico, método conhecido como fracking.

Na próxima semana será a votação em segunda discussão e depois irá para sanção do Executivo municipal.

"A decisão da Câmara de Vereadores de Arapongas representa um importante passo na luta contra o fraturamento hidráulico no Brasil, onde a cidade baniu esta terrível tecnologia mesmo antes do leilão da ANP (Agência Nacional de Petróleo, Biocombustível e Gás Natural)", comemora Juliano Bueno de Araujo, fundador da COESUS – Coalizão Não Fracking Brasil pelo Clima, Água e Vida – e coordenador de campanhas Climáticas da 350.org.

Em Cambé, cidade da Região Metropolitana de Londrina, projeto de lei proibindo o Fracking também está tramitando e em fase de análise nas comissões. A previsão é que o projeto seja votado até o final deste mês.

Já em Londrina, a proposição já passou pela Comissão de Justiça e está sendo analisado na de Política Urbana e Meio Ambiente. 

Desde maio, a Agência Nacional do Petróleo (ANP) realiza testes sísmicos no Norte e Norte Pioneiro do estado.