24°
Máx
17°
Min

Câmara de Maringá faz sessão de julgamento da Comissão Processante contra Luizinho Gari

(Foto: Câmara Municipal de Maringá) - Câmara faz sessão de julgamento da Comissão Processante contra Luizinho Gari
(Foto: Câmara Municipal de Maringá)

A Câmara Municipal de Maringá fará nesta quinta-feira (23) a sessão extraordinária para julgamento do relatório da Comissão Processante que teve o vereador Luizinho Gari (PP) como alvo. O parlamentar é acusado pelo Fórum Maringaense de Mulheres de quebra de decoro.

No fim de março deste ano, Gari foi preso acusado de desobedecer a medida protetiva que impedia sua aproximação da ex-esposa. A partir da denúncia, uma Comissão Processante foi montada tendo Mário Verri (PT) como presidente, Márcia Socreppa (PTB) como relatora e Ulisses Maia (PDT) como membro.

Os vereadores ouviram testemunhas e colheram informações sobre o caso. Márcia Socreppa, no relatório final, indicou o arquivamento do caso por não haver previsão no regimento interno do Legislativo.

Nesta quinta-feira, o documento será lido e depois cada um dos vereadores, com exceção do investigado, contará com 15 minutos para pronunciamento. Em seguida, Gari ou seu advogado terão até duas horas para defesa.

Se o relatório for aprovado, a CP é encerrada, com o arquivamento do caso. Porém, vale lembrar que Luizinho Gari é alvo de uma segunda comissão, desta vez acusado de mandar uma carta com ameaças ao vereador Mário Verri.