28°
Máx
17°
Min

Campanha de multivacinação começa segunda em Rolândia

(foto:  Sumaia Villela/Agência Brasil) - Campanha de multivacinação começa segunda
(foto: Sumaia Villela/Agência Brasil)

Começa nesta segunda-feira (19) uma campanha nacional de "multivacinação" que incluirá, pela primeira vez, todas as vacinas disponíveis pelo SUS para crianças de até 5 anos e para crianças e adolescentes entre 9 e 15 anos incompletos, incluindo a imunização contra HPV para meninas. A vacinação vai até o dia 30 de setembro.

Todas as Unidades Básicas de Saúde de Rolândia estarão na Campanha. O “Dia D” da ação será no sábado, 24 de setembro, e na ocasião, todos os Postos de Saúde da cidade estarão abertos para imunizar o público alvo.

As doses já estão normalmente disponíveis de forma gratuita no Sistema Único de Saúde (SUS), em qualquer posto. O objetivo principal da campanha é estimular os pais para que levem os filhos visando por em dia a caderneta de vacinação.

Novo esquema de vacinação

HPV: 2 doses com intervalo de 6 meses para meninas de 9 a 13 anos.

Poliomielite: injeção aos 2 e 4 meses e gotinha aos 6 meses. 2 doses de reforço aos 15 meses e aos 4 anos (ambas de gotinha).

Pneumonia: 2 doses - aos 2 e 4 meses e um reforço aos 12 meses.

Meningite: 2 doses, aos 3 e 5 meses de idade, com reforço aos 12 meses.

Confira a lista das vacinas disponíveis

  • BCG: dose única, disponível para crianças menores de 5 anos
  • Hepatite B: para crianças de até 1 mês não vacinadas
  • Penta e Vip: são para crianças entre 2 meses e menores de 5 anos. Ambas devem ser dadas em três doses, com intervalos de dois meses entre elas
  • Vacina Oral de Poliomelite Bivalente (VOPb): disponível para crianças de 15 meses e menores de 5 anos. O primeiro reforço deve ser dado aos 15 meses e o segundo aos 4 anos. A VOPb esta substituindo a Vacina Oral de Poliomelite Trivalente (VOPt), portanto deve ser ministrada apenas nas crianças que ainda não tem o primeiro e segundo reforço
  • Rotavírus humano: crianças entre um mês e 15 dias e três meses e 15 dias. Aquelas maiores de 3 meses e 15 dias, já poderão tomar a segunda dose
  • Pneumocócica 10 valente: as duas doses podem ser ministrada em crianças de até 2 meses, com intervalo de 60 dias entre elas, além do reforço que pode ser dado entre um e quatro anos
  • Meningocócica C conjugada: disponível para crianças a partir de 3 meses, em duas doses, com intervalo de 60 dias entre elas. O reforço deve ser dado, preferencialmente aos 12 meses, porém pode ser aplicado até os 4 anos
  • Febre Amarela: deve ser tomada por crianças residentes ou viajantes, a partir dos 9 meses, com reforço aos 4 anos
  • Tríplice Viral: primeira dose deve ser dada quando a criança completar 1 ano, e a segunda dose quando ela estiver com 1 ano e 3 meses, junto com a varicela (atenuada). A segunda dose pode ser aplicada até 1 ano e 11 meses
  • Vacina Tríplice Bacteriana (DPT): primeiro reforço para crianças com 1 ano e 3 meses e o segundo para menores de 5 anos
  • Hepatite A: a criança deve receber com 1 anos e 3 meses, e pode tomar até 1 ano, 11 meses e 29 dias
  • HPV: para adolescentes entre 9 anos e menores de 15

(com assessoria de imprensa)