23°
Máx
12°
Min

Candidatos a prefeito conhecem Masteplan, que projeta cidade até 2047

Entidades querem integração de poder público e sociedade para planejar desenvolvimento (Foto: UEM) - Candidatos a prefeito conhecem Masteplan, que projeta cidade até 2047
Entidades querem integração de poder público e sociedade para planejar desenvolvimento (Foto: UEM)

Os oito candidatos a prefeito de Maringá conheceram, nessa sexta-feira (2), os detalhes do Masterplan Metrópole Maringá 2047, projeto que traça o planejamento da cidade pelos próximos 30 anos, organizado por entidades da sociedade civil organizada.

A apresentação aconteceu na sede da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (Acim), gestora do Masterplan junto com o Conselho de Desenvolvimento Econômica de Maringá (Codem).

O presidente do comitê gestor do Masterplan, Wilson Yabiku, detalhou aos candidatos todos os passos do projeto até aqui, desde o surgimento da ideia, passando pela mobilização da sociedade civil organizada para elaboração do projeto, captação de recursos, escolha da consultoria até o fechamento do contrato com a empresa PwC.

“Buscamos os melhores técnicos e pesquisamos os melhores modelos de como as cidades se desenvolvem ao redor do mundo. O masterplanejamento é um conceito que precisa ser implantado e monitorado pelos gestores ao longo dos anos. O que estamos oferecendo é uma ferramenta para facilitar e potencializar as administrações futuras”, explicou Yabiku.

O presidente do comitê gestor disse acreditar que “Maringá pode se tornar uma cidade-ícone em mobilidade urbana, qualidade de vida e potencial econômico” por meio do planejamento socioeconômico e urbano a exemplo de grandes metrópoles como Nova Iorque e Cingapura, que também passaram por esse processo.

O presidente do Codem, Edson Cardoso, endossou a importância do planejamento socioeconômico como ferramenta de apoio às futuras gestões. “Estamos preocupados com o futuro de Maringá. Não estamos impondo nada, mas dando uma contribuição para o desenvolvimento e crescimento organizado da cidade”.

o presidente da Acim, José Carlos Valêncio, defendeu que a execução do Masterplan só será possível com o apoio dos gestores públicos municipais. Ao final da explanação, todos os candidatos elogiaram a iniciativa e garantiram apoio irrestrito ao projeto, caso sejam eleitos.

Colaboração Assessoria de Imprensa