22°
Máx
14°
Min

Carambeí registra primeiro foco do mosquito da dengue

(Foto: Divulgação / Prefeitura) - Carambeí registra primeiro foco do mosquito da dengue
(Foto: Divulgação / Prefeitura)

O Departamento de Vigilância Sanitária de Carambeí confirmou que foi encontrado o primeiro foco do mosquito da dengue no município. A larva do Aedes aegypti com resultado positivo veio de um vaso em uma residência no perímetro urbano da cidade. Segundo Adriana Fernandes, coordenadora do Programa Municipal de Combate à Dengue, “no Levantamento de Índice por Amostragem (LIA) foi detectado um percentual grande nas residências e seus quintais de materiais em desuso servindo de criadouros”.

Ela comunicou oficialmente a situação ao prefeito Osmar Blum nesta sexta-feira (4). O ofício descreve que “os locais encontrados são residências com os quintais com vários locais com depósitos de água, (potes, pratos de vasos de flores/plantas, garrafas dentre outros). A Vigilância Sanitária também avaliou na forma alada alguns exemplares capturados por moradores de Carambeí, onde também positivou”, aponta.

O maior problema no município é o descarte de lixo feito pela própria população em terrenos baldios, onde facilmente são encontrados materiais orgânicos, móveis descartados e sacolas plásticas. “Observamos ainda por pesquisa de campo que os principais criadouros para larvas estão localizados nas residências, existe um grande acúmulo de materiais reciclados em desuso e sem acondicionamento adequado”, frisa a coordenadora.

Ações

Adriana lembra que Carambeí desenvolve o Programa Troca Saudável, que incentiva os moradores a trocarem material reciclável por frutas e verduras. “Hoje não existe motivo para que lixo, móveis, materiais e entulhos sejam descartados em terrenos baldios, em áreas de proteção permanente e nas ruas em Carambeí. O município possui coleta seletiva de reciclados, tem o Programa Troca Saudável, tanto na área urbana como na área rural”, ressalta.

Em outra frente, o departamento jurídico da Prefeitura de Carambeí está elaborando projeto de Lei para enviar a Câmara Municipal que prevê multas aos donos de lotes que não limparem o terreno.

Colaboração Assessoria de Imprensa.