23°
Máx
12°
Min

Chegada de novos defensores vai reforçar atendimento jurídico gratuito

(Foto: Sindypsi-PR) - Chegada de novos defensores vai reforçar atendimento jurídico gratuito
(Foto: Sindypsi-PR)

A chegada de novos defensores públicos vai reforçar o atendimento jurídico gratuito no norte e noroeste do Paraná. Apucarana e Campo Mourão são duas das quatro cidades (juntamente com Francisco Beltrão e Cornélio Procópio) que vão receber unidades do órgão, com dois servidores cada.

Em Maringá, apenas um defensor trabalha atualmente e devem vir mais três. Já Cianorte permanece com dois e Umuarama com um. Nesta terça-feira (5), o governador Beto Richa dá posse a 36 novos servidores. O número do quadro de funcionários vai saltar de 73 para 109.

Os novos defensores vão atuar em 25 comarcas, que englobam 60 cidades e distritos, em uma área com 6,3 milhões de habitantes (56% da população do Paraná). No ano passado, a Defensoria Pública fez 53.781 atendimentos, número que deve aumentar este ano, segundo o subdefensor público-geral do Paraná, Eduardo Abraão.

“A vinda dos novos defensores vai permitir uma expansão importante no trabalho da Defensoria. O objetivo é fortalecer algumas comarcas em que a Defensoria já atua, ampliando as áreas de atendimento e abrindo em outras comarcas em que a Defensoria até então não prestava o seu serviço”, explicou.

Segundo Abraão, o número de defensores ainda é insuficiente para cobrir todo o Paraná, mas a chegada dos novos representa um aumento de mais da metade do quadro inicial, o que significa uma soma importante na força de trabalho.

Os recém-contratados farão um curso de duas semanas e depois devem iniciar as atividades nos municípios escolhidos.

Colaboração Defensoria Pública do Paraná