26°
Máx
19°
Min

CMTU deve suspender passe livre em caso de greve

(foto: N.Com/Divulgação) - CMTU deve suspender passe livre em caso de greve
(foto: N.Com/Divulgação)

Estudantes da Universidade Estadual de Londrina (UEL) que possuem o benefício do passe livre tiveram dificuldade de usá-lo nesta terça-feira (18). Ao passar o cartão transporte na catraca, recebia a informação de “escola bloqueada”.

Segundo a Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), um comunicado da UEL informando a paralisação das atividades de segunda a quarta-feira fez com que o benefício fosse suspenso temporariamente, conforme prevê a legislação municipal.

O Diretório Central dos Estudantes (DCE) divulgou uma nota repudiando a ação, alegando que existem várias atividades dentro da universidade mesmo com as atividades paralisadas por conta da grave dos professores.

Diante disso, a CMTU decidiu manter o benefício até que a situação da greve seja definida. Nesta quinta, está prevista uma assembleia que pode resultar em paralisação por tempo indeterminado.

Caso seja confirmada a greve na rede estadual, o Passe Livre deverá ser suspenso para os alunos durante este período. “Caso haja particularidades, em aulas continuadas como estágios, cursos preparatórios, especializações e outros, a CMTU deverá ser informada pela instituição ou pelo Núcleo de Educação para que o aluno não seja prejudicado, mantendo, assim, o acesso de isento ao transporte coletivo, normalmente”, afirma a companhia em nota.