22°
Máx
17°
Min

Coletores do lixo seguem em greve por tempo indeterminado

Coletores do lixo seguem em greve por tempo indeterminado

Os grevistas estão reunidos em frente a empresa responsável pela coleta do lixo em Cascavel e prometem ficar lá por tempo indeterminado.

O sindicato dos empregados em empresas de asseio e conservação pedem o reajuste de 15% nos salários e aumento de R$ 100 no vale alimentação.

Hoje o salário de um gari é de R$ 1.053,00, mas com os descontos cai para R$ 900. Há três anos a categoria está sem aumento real e por isso a greve deve ser por tempo indeterminado.

Durante a paralisação três caminhões e doze funcionários se revezam na coleta de lixo em toda a cidade

A empresa ofereceu 10% de reajuste e mais R$ 45 de aumento no vale alimentação, mas a proposta foi rejeitada pela categoria.

Colaboração: Cristiane Guimarães e André Garcia / Rede Massa