20°
Máx
14°
Min

Colombiano é preso após ameaçar sequestrar filha do presidente da Câmara

(Foto: Divulgação) - Colombiano é preso após ameaçar sequestrar filha do presidente da Câmara
(Foto: Divulgação)

A Polícia Civil de Apucarana (a 63 quilômetros de Maringá) prendeu um colombiano na manhã desta sexta-feira (1º), durante uma investigação de sequestro, extorsão e agiotagem. Elver André Rios Franco, 32 anos, recebeu voz de prisão em flagrante e é suspeito de integrar uma organização criminosa que empresta dinheiro a comerciantes com juros extorsivos.

O delegado da 17ª Subdivisão Policial de Apucarana, José Aparecido Jacovós, contou que o colombiano começou a ser investigado depois da denúncia de um suposto planejamento do sequestro da filha do presidente da Câmara da cidade, José Airton de Araújo, o Deco.

Um mandado de busca foi cumprido na casa do suspeito, no Centro, com a apreensão de diversos materiais que comprovam a agiotagem - crime contra a economia popular, com pena de até quatro anos. O empréstimo era feito com juros de 20% por mês.

Segundo o delegado, o colombiano estaria migrando para os crimes de extorsão e sequestro. Por isso, o vereador Deco foi procurado e confirmou que vinha recebendo ameaças de Elver André Rios Franco pelo Facebook, mas não havia denunciado pensando se tratar de uma brincadeira de mau gosto.

“Eles começaram a partir para outros tipos de crime, não só emprestar dinheiro, porque o vereador nunca emprestou dinheiro. Agora vamos verificar essa organização porque tem mais gente envolvida”, explicou Jacovós.

Os dados levantados serão encaminhados para a Polícia Federal, pois a quadrilha pode ter ramificações fora do país.

Colaboração: Silvia Vilarinho/Rede Massa