24°
Máx
17°
Min

Com dificuldades financeiras, Samu Noroeste faz protesto nesta segunda

(Foto: EBC) - Com dificuldades financeiras, Samu Noroeste faz protesto nesta segunda
(Foto: EBC)

Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) do noroeste do Paraná fazem um manifesto nesta segunda-feira (18), em alerta pelas dificuldades financeiras enfrentadas pelo órgão atualmente.

O protesto vai acontecer em Umuarama, Paranavaí, Campo Mourão, Cianorte, Cruzeiro do Oeste, Altônia, Cafezal do Sul, Icaraíma, Loanda, Nova Londrina, Terra Rica, Cruzeiro do Sul, Rondon, Goioerê, Terra Boa, Ubiratã, Iretama e Barbosa Ferraz.

Em nota, o presidente do Consórcio Intermunicipal de Urgência e Emergência do Noroeste do Paraná (Ciuenp), Moacir Silva, declarou que o manifesto acontecerá devido à falta de repasses dos governos federal e estadual assim como de vários municípios que integram o Ciuenp.

Com a mobilização, o Samu quer chamar a atenção da comunidade para a importância do serviço que atende pacientes da urgência clínica e de trauma. Nesta segunda-feira, o serviço será mantido integralmente.

Porém, se o protesto não surtir efeito nos governantes, no dia 10 de maio haverá uma nova mobilização, desta vez com interrupção parcial do serviço.