28°
Máx
17°
Min

Com filho no colo, jovem tem os braços quebrados pelo ex-companheiro em Maringá; mãe dela também foi agredida

Acusado usou taco de beisebol para espancamento (Foto: Divulgação) - Com filho no colo, jovem tem os braços quebrados pelo ex-companheiro
Acusado usou taco de beisebol para espancamento (Foto: Divulgação)

A Delegacia da Mulher investiga um caso de agressão contra uma jovem de 22 anos e sua mãe, de 44. As duas foram espancadas no início da manhã de quarta-feira (13), na Vila Santa Antônio, zona norte de Maringá, em frente à igreja que leva o mesmo nome.

Por volta das 6h45 de quarta-feira, Carla Tuani levava os filhos para a creche, acompanhada da mãe. Um deles, de dez meses, inclusive estava em seu colo. No caminho, o ex-companheiro Humberto Mosolon chegou com um taco de beisebol e teria atacado as duas.

Mesmo com o filho dele nos braços, Carla foi agredida e teve ambos os membros quebrados. Já a mãe, Roseli Aparecida, recebeu um golpe na cabeça, que afundou seu crânio.

Em seguida, o homem fugiu, enquanto as duas mulheres receberam socorro do Siate e foram encaminhadas para o Hospital Santa Rita. O tio de Carla, Rafael Dias, declarou que a família pede a Deus a cura das feridas e também justiça.

Traumatizada e com medo, a vítima pergunta a todo momento se o acusado já foi detido. Mosolon teria cometido o ataque inconformado com o fim do relacionamento entre os dois, em dezembro do ano passado.

A ex-sogra também foi vítima porque ele acredita que a mulher tenha recomendado à filha não retomar o casamento. Quem tiver informações sobre o suspeito pode ligar para 190 ou 181.

Colaboração Índio Maringá da Rede Massa