24°
Máx
17°
Min

Comunidade vai custear reforma na precária Cadeia Pública de Cianorte

Cerca de 40 tentativas de fuga foram registradas no local este ano (Foto: Rede Massa) - Comunidade vai custear reforma na precária Cadeia Pública
Cerca de 40 tentativas de fuga foram registradas no local este ano (Foto: Rede Massa)

Sem dinheiro do governo para obras e com uma estrutura muito precária, a Cadeia Pública de Cianorte será reformada com doações da comunidade. O Conselho Comunitário de Segurança e empresários se uniram para doar mão de obra e os materiais necessários. O local já registrou cerca de 40 tentativas de fuga somente este ano.

O chefe da carceragem, Márcio Rogério de França, contou que o pátio está sendo reforçado com a colocação de concreto para dificultar a abertura de túneis. Nas celas, que hoje só têm cinco centímetros de concreto, serão colocados mais 30 centímetros e também uma malha de ferro.

Além disso, as redes hidráulica e elétrica serão trocadas e o muro de 2,1 metros será ampliado em mais 1,5 metro. França destaca que, após a reforma, as principais reivindicações são câmeras de segurança e alarme para ajudar no controle dos presos.

Com o trabalho do delegado Carlos Stecca, que vem denunciando a estrutura com risco de desabamento, e da juíza criminal Flávia de Castro Alves, cerca de 60 presos foram transferidos do espaço, ajudando na superlotação.

A cadeia tem capacidade para 70 presos e atualmente abriga 118.