22°
Máx
17°
Min

Construção de trincheira vai interditar BR-376 no fim de semana em Sarandi

Construção de trincheira vai interditar BR-376 no fim de semana

A construção de uma trincheira em Sarandi (a sete quilômetros de Maringá) vai interditar o tráfego na BR-376, no cruzamento com a Avenida Londrina. O fechamento ocorre a partir das 7h de sábado (21) e deve ser mantido até as 19h de domingo (22). Se chover, a programação pode ser alterada.

A trincheira será construída na Avenida Londrina, principal acesso à cidade de Sarandi. A concessionária Viapar instalou um novo semáforo a cerca de 500 metros do local para organizar o trânsito durante o bloqueio. Os veículos serão desviados pelas marginais, que receberam reforço no pavimento para suportar o tráfego.

Além das duas trincheiras, será feito o rebaixamento de 700 metros da BR-376, entre os quilômetros 182 e 184, para eliminar o cruzamento em nível com as avenidas urbanas. O investimento nas obras é de R$ 40 milhões e a previsão é que os trabalhos sejam finalizados em dezembro.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, a obra vai melhorar o acesso a Sarandi. “Atualmente, a obra se concentra na trincheira da Avenida Deputado Borsari Neto, com fundações e construção das vigas pré-fabricadas. As escavações vão ter entre seis a 13 metros de profundidade. Depois de concluídas, as obras vão facilitar o acesso a Sarandi”, afirmou.

O presidente da Viapar, Camilo Carvalho, destacou que o trecho da BR-376, em Sarandi, tem um fluxo diário de cerca de 30 mil veículos, pois faz ligação com Maringá. Ele acredita que as obras vão diminuir os congestionamentos na região.

As interdições continuarão no fim de semana seguinte, nos dias 28 e 29 de maio, mas em outro ponto, para continuidade da construção de mais uma trincheira, na Avenida Deputado Borsari Neto.

Colaboração Agência Estadual de Notícias