27°
Máx
13°
Min

Conversas em redes sociais levam à prisão de acusados de tentar matar PM

A Polícia Civil de Londrina apresentou na tarde desta terça-feira (5) dois envolvidos na tentativa de homicídio contra o policial militar Reginaldo Alves de Oliveira, no dia 25 de fevereiro, em frente a uma farmácia na avenida Saul Elkind, zona norte de Londrina.

Foram apresentados Jeferson do Nascimento Batista, preso em Navegantes (SC), e Vinicius Galindo, que já havia sido preso no início de março. Os dois teriam atirado contra o policial. Um terceiro participante, que estava no carro que deu fuga à dupla, segue foragido.

As investigações caminharam para a participação da dupla na tentativa de homicídio graças a informações de conversas nas redes sociais.

Dois suspeitos de serem os mandantes do crime estão presos na penitenciária de Piraquara. Eles seriam responsáveis por comandar o tráfico de drogas na região dos Cinco Conjuntos, zona norte de Londrina.

Segundo o delegado de homicídios Paulo Henrique Costa, as mensagens mostram trechos onde Juliano da Silva Santos (Gambá) e Alessandro de Souza (Sassá) falam para duas mulheres retransmitirem a ordem para matar o policial.

Por enquanto, está descartada a ligação entre este crime e a morte do policial militar Cristiano Bottino, registrada quatro dias depois, quando a cidade enfrentou uma madrugada violenta com 12 assassinatos.

(colaborou Valdir Bezerra/Rede Massa)