28°
Máx
17°
Min

CURITIBA ABANDONADA: Moradores querem solução e aguardam providências da Prefeitura para cruzamento no Santa Quitéria

CURITIBA ABANDONADA: trânsito confuso causa acidentes em cruzamento

Quem mora e trabalha nas proximidades do cruzamento das ruas Ulisses Vieira e Pretextato Taborda Junior, no bairro Santa Quitéria, em Curitiba, está cansado da confusão no trânsito no local. Eles afirmam que já pediram providências para a Prefeitura de Curitiba no cruzamento diante de tantos acidentes. A população reivindica a instalação de um semáforo para prevenir as colisões.

O trânsito no local se transforma em um nó. Em apenas cinco minutos, a reportagem do Massa News verificou a confusão no local, envolvendo todos os tipos de veículos, diante das diferentes possibilidades de conversão. As duas ruas têm mão dupla. 

A rua Ulisses Vieira é preferencial em sua maior parte, mas deixa de ter esta condição quando chega na rua Pretextato Taborda Junior. Apesar da sinalização, os veículos precisam avançar no cruzamento para poder enxergar se há veículos trafegando nas vias. Isto resulta em “encontrões” entre os carros. “Falta uma melhor visão por ali. Além disto, os veículos andam em alta velocidade. Estas vias se tornaram alternativa no trânsito, especialmente para quem vem do Fazendinha”, conta Jean Ader, que trabalha em uma empresa na região há 10 anos.

Uma pessoa que trabalha em um estabelecimento comercial nas proximidades do cruzamento relata que são constantes os “barulhos de freada”. “É aquela ‘quase batida’ o tempo todo, quando realmente não acontecem os acidentes”, comenta a mulher, que preferiu não se identificar.

Os pedestres, então, não têm vez. Eles tentam a travessia em meio aos carros que avançam a preferencial para poder enxergar a outra via ou que estão em alta velocidade. “É um sacrifício atravessar aqui, ainda mais em horários de pico, como na hora do almoço. Os pedestres têm que esperar um tempão”, relata a mulher.

A Prefeitura de Curitiba, por meio de assessoria de imprensa, afirmou que o cruzamento das ruas Ulisses Vieira e Pretextato Taborda Júnior tem uma situação de conversão com as duas ruas com duplo sentido de circulação. “Para esse local, a Setran informa que a sinalização é a necessária, com placas de pare e de proibição de estacionamento nas áreas de giro, além da pintura de pare no pavimento e das tartarugas para retenção dos veículos nos dois sentidos da Rua Ulisses Vieira. A secretaria informa também que estão sendo realizados estudos para a implantação de sentido único de circulação na Rua Pretextado Taborda Júnior, da Rua Ulisses Vieira para a Rua Prof. Brasílio Ovídio da Costa, o que diminuiria os conflitos nas conversões do cruzamento. A fiscalização da Setran deverá fazer nos próximos dias ações programadas para verificar e coibir o estacionamento irregular na região do cruzamento”, traz a nota encaminhada à reportagem do Massa News.

Enquanto isto, o pedido da população por um semáforo não é atendido e quem passa no local precisa esperar e conviver com os riscos. “Acidente sempre tem aqui. O problema é quando acontece um acidente mais grave. Existe sempre essa preocupação”, comenta Ader.