22°
Máx
17°
Min

Curitiba e Região Metropolitana tem 20 mortes violentas no fim de semana

Um dos casos que mais chamou atenção foi a morte de um idoso, cujo corpo foi escondido embaixo da cama pela suposta autora do crime, em Pinhais (Foto: João Carlos  Frigério) - Curitiba e RMC com 20 mortes violentas no fim de semana
Um dos casos que mais chamou atenção foi a morte de um idoso, cujo corpo foi escondido embaixo da cama pela suposta autora do crime, em Pinhais (Foto: João Carlos Frigério)

Vinte mortes violentas foram registradas em Curitiba e Região Metropolitana entre a noite de sexta-feira (12) e a madrugada desta segunda-feira (15), conforme relatório do Instituto Médico Legal (IML). Foram mortes ocasionadas por ferimentos por arma de fogo e arma branca, além de agressões. Também foi registrada uma morte em decorrência de acidente de trânsito.

Foram duas ocorrências depois das 18 horas de sexta-feira, duas no sábado, 10 mortes no domingo e outras seis na madrugada desta segunda-feira.

As duas mortes da noite de sexta-feira foram registradas no bairro Quississana, em São José dos Pinhais, e no bairro Sítio Cercado, em Curitiba. Dois assassinatos foram registrados na madrugada de sábado, na Cidade Industrial de Curitiba. Em um deles, um jovem de 22 anos morreu após ser atingido por 14 tiros

O domingo foi marcado pela sete mortes em decorrência de ferimentos de arma de fogo, incluindo a morte de um menino de 13 anos em São José dos Pinhais. Houve ainda um morto após um confronto no bairro Xaxim. Outro homicídio foi o de um jovem de aproximadamente 25 anos na Avenida do Canal, no bairro Parolin, em Curitiba, próximo ao cruzamento com a rua Assis Figueiredo. O homem foi atingido por dois disparos, um no tórax e outro na cintura. 

Ainda foram registradas duas mortes por agressão física e outra de um homem que morreu no hospital por conta de ferimentos de acidente de trânsito.

Na madrugada desta segunda-feira, o IML recebeu os corpos de dois casos de assassinatos registrados no final do domingo, um na Cidade Industrial de Curitiba e outra em Pinhais.  Nesta situação, um idoso foi morto a facadas e seu corpo foi colocado embaixo da cama pela suposta autora do crime, uma mulher que vivia com a vítima. Também houve a morte de um homem, que ainda não foi identificado, no Campo Pequeno, no bairro Alto Macaranã, em Colombo, também por ferimentos de arma de fogo.

O vigésimo caso foi a morte de uma mulher, ainda sem identificação, registrada às 5h35 na Rua Capitão Tomás de Carvalho Camargo, na Cidade Jardim, em São José dos Pinhais. Ela foi encontrada em um matagal e foi vítima de disparo de arma de fogo, segundo informações da Polícia Militar.