21°
Máx
17°
Min

Defesa Civil indica ocorrência de ‘microexplosão’ na divisa entre PR e SC

Defesa Civil indica ocorrência de ‘microexplosão’ na divisa entre PR e SC

O secretário da Defesa Civil de Santa Catarina, Milton Hobus, declarou que a cidade de Porto União (SC), na divisa com União da Vitória (PR), foi atingida por um fenômeno climático chamado de ‘microexplosão’. O evento é caracterizado por ventos fortes acompanhados de chuvas, provocando grandes estragos. Uma pessoa morreu e outra ficou ferida no desabamento de um barracão na localidade de Legru.

“Todas as análises que nossa equipe de meteorologia fez mostram que tivemos características de uma microexplosão, que são ventos muito fortes acompanhados de chuva, causando todos os danos que ocorreram”, explica, em entrevista ao portal Vvale. “São ventos muito fortes, localizados, com características próximas de um tornado, mas não é a formação de um tornado”, esclarece Hobus.

Ainda de acordo com o secretário, equipes da Defesa Civil e a força tarefa do Corpo de Bombeiros também acompanham a situação.

O Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Ciram) emitiu uma nota informando que todos os indícios colhidos até o momento apontam para a ocorrência de uma microexplosão.

“Um núcleo de tempestade severa atingiu Porto União e Ponte Alta do Norte, na Serra Catarinense, provocando ventos fortes próximos e acima de 100 Km/h. Após análise de fotos e vídeos disponíveis até o momento, há fortes indicativos de ocorrência de microexplosão em Ponte Alta do Norte e Porto União, fenômeno atmosférico em escala local que pode causar ventos extremamente fortes. As microexplosões também são fenômenos com alto poder destrutivo e ventos que podem superar os 100 km/h e são mais frequentes do que os tornados. Estes fenômenos ocorrem quando a corrente descendente em uma tempestade é tão forte que chega ao solo causando destruição, fazendo com que o ar se espalhe em todas as direções”, destaca nota do Ciram.


A Prefeitura de Porto União emitiu uma nota sobre a situação no município. Veja o comunicado na íntegra:

“Após o evento climático da noite deste domingo, 15, no interior de Porto União, as equipes da prefeitura, junto à Defesa Civil do município, estão auxiliando os moradores das localidades atingidas pelos fortes ventos com o apoio de diversos órgãos, entre eles a Polícia Militar e Civil, Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil do estado.

O prefeito Anízio de Souza e o vice-prefeito Aloísio Salvatti foram até as localidades na noite de domingo e retornaram aos locais afetados na manhã desta segunda-feira, 16, com mais equipes da prefeitura para auxiliar no que for preciso as famílias que acabaram ficando sem casa ou com as residências afetadas, e verificar os próximos passos a serem tomadas pela administração municipal.

Em breve mais informações e imagens do evento climático que está sendo investigado pelos meteorologistas para saber se foi um tornado que atingiu o interior do município.

Além da destruição os ventos fortes causaram a morte de Artur Leonor Rebein, de 54 anos. A administração municipal manifesta seu pesar e sua solidariedade à família e aos amigos de Artur”.